Curso de Direito do ISMAT organiza Jornadas sobre Direito do Jogo

  • Print Icon

Sob o mote «A exploração dos jogos de fortuna ou azar e o turismo no Algarve».

No âmbito das suas atividades de extensão universitária, o ISMAT organiza umas primeiras jornadas sobre o Direito do Jogo, que irão decorrer no dia 31 de outubro, às 18 horas, nas instalações da Rua Dr. Estêvão de Vasconcelos, em Portimão.

A exploração dos jogos de fortuna ou azar no Algarve iniciou-se em Portugal com a legislação de 1927. Um dos primeiros casinos de Portugal foi precisamente o da Praia da Rocha. Na atualidade, o sector do jogo continua em expansão, tendo um significativo impacto a nível do turismo nacional.

Importa assim refletir sobre o estado atual da indústria e sobre o seu enquadramento regulatório. Quais são os principais desafios que se colocam? Como tem a indústria do jogo beneficiado o turismo? Que reformas são possíveis neste setor?

Estas jornadas contarão com a presença e intervenções de diversas personalidades ligadas à temática, como Jorge Godinho, colaborador do Curso de Direito do ISMAT e especialista em História e Direito do Jogo; Joel Pais, administrador da Solverde, S.A, e Managing Director das Unidades Solverde do Algarve;  Carlos Costa, administrador do Grupo Nau Hotels & Resorts e José Pereira de Deus, Inspetor do Serviço de Regulação e Inspeção de Jogos.

Em termos académicos, esta iniciativa pioneira do ISMAT procura alertar para os múltiplos problemas que o direito do jogo coloca. Trata-se de uma área interdisciplinar, de particular interesse no Algarve, bastante carecida de investigação científica.

A entrada é livre, mas sujeita a inscrição através de e-mail (info@ismat.pt)