Câmara apoia 24 associações de Loulé com mais de 300 mil euros

  • Print Icon

Município de Loulé celebrou um contrato-programa com as associações locais que atuam na área cultural e recreativa, atribuindo a 24 entidades uma verba de mais de 300 mil euros para a promoção das suas atividades.

Obedecendo a critérios «de transparência, rigor e imparcialidade», as candidaturas foram submetidas a apreciação e aprovação por parte da autarquia e tiveram em conta parâmetros como o estatuto de utilidade pública, o historial associativo ou cultural, o desenvolvimento de atividade regular, a valorização do património cultural do concelho, o contributo para a formação e a criação artística, o desenvolvimento de atividades culturais com vista à descentralização territorial, inclusão social ou fomento do interesse das crianças e jovens pela cultura.

A par deste apoio, a Câmara de Loulé «mantém a ajuda às associações culturais noutras dimensões, como é o caso da cedência de espaços para a realização das atividades ou a inclusão dos espetáculos e iniciativas promovidas pelas associações nos próprios eventos do município, como é o caso da Semana do Município, Festival MED, entre outras».

Durante a sessão, nas palavras dirigidas aos agentes culturais presentes, o autarca Vítor Aleixo enalteceu o setor e a sua importância para a vida comunitária: «Mobilizam muitas pessoas, trazem prazer e alegria com o vosso trabalho. Numa sociedade democrática, é assim que se regem as organizações, a relação entre a sociedade civil e os organismos públicos do Estado e, no fundo, é isso que estamos aqui a fazer».

Quanto aos recursos disponibilizados pela autarquia, o responsável adiantou que «se a expressão cultural for apoiada e enquadrada numa perspetiva de conjunto ao nível municipal, os resultados terão certamente um alcance maior».