Café Memória Portimão agrega pessoas com demência e cuidadores

  • Print Icon

Projeto junta Câmara Municipal de Portimão, Alzheimer Portugal e Sonae Sierra.

O município de Portimão, a Alzheimer Portugal e a Sonae Sierra assinaram na segunda-feira, dia 9 de maio, um protocolo de colaboração relativo ao Projeto Café Memória, visando a operacionalização na cidade de um local de encontro destinado a pessoas com problemas de memória ou demência, bem como aos seus familiares e cuidadores.

O Café Memória Portimão vai arrancar em setembro do corrente ano, naquele que é o «Mês da Pessoa com Demência», funcionando uma vez por mês, numa sala do Museu de Portimão.

Irá possibilitar a partilha de experiências e suporte mútuo, proporcionando um ambiente acolhedor, reservado e seguro, no qual é facilitada a interação e oferecido apoio emocional e informação útil, sendo promovida a participação das pessoas em atividades lúdicas e estimulantes, com o apoio de profissionais de saúde ou de ação social num contexto informal.

A missão este espaço consiste em «reduzir o isolamento social em que muitas das pessoas com demência e os seus familiares e cuidadores se encontram, contribuindo para a melhoria da sua qualidade de vida», explica o município.

O novo projeto pretende ainda «sensibilizar a comunidade para a problemática das demências e envolvê-la na prossecução dos seus objetivos, nomeadamente através da prática de voluntariado, diminuindo deste modo o estigma que lhe está associado».

Promover a saúde e prevenir a doença

Sobre as três entidades subscritoras do protocolo, a Sonae Sierra associa-se ao Café Memória Portimão no âmbito do desenvolvimento de atividades de âmbito social, enquanto a Alzheimer Portugal é a instituição de referência, no país, no que toca à promoção dos direitos e prestação de cuidados e apoios especializados às pessoas com demência. Já o município de Portimão reforça com este projeto as suas competências de promoção da saúde e prevenção da doença.

Para esse efeito, a autarquia vai apoiar a Alzheimer Portugal com o valor anual de 3.500 euros.

Projeto «Musical(Mente)» e outras atividades

O Núcleo do Algarve da Associação Alzheimer Portugal tem sede em Portimão e disponibiliza dois gabinetes de apoio na demência, em Portimão e Lagoa, tendo registado desde setembro passado 394 atendimentos telefónicos, presenciais e por e-mail, além de 104 acompanhamentos de caso.

O Gabinete de Apoio na Demência de Portimão, localizado na Urbanização do Pimentão, Lote 2-cave, nos Três Bicos, funciona mediante marcação prévia de segunda a sexta-feira, das 9h30 às 12h30, podendo ser contactado pelo número de telemóvel 965 276 690 ou por e-mail.

De entre as atividades organizadas, merece destaque a ação «Musical(Mente)», que estimula pela música as pessoas com demência e os seus cuidadores e familiares, tendo contado até à data com 50 participantes nas 12 sessões decorridas desde fevereiro passado.

Esta atividade faz parte do projeto «SER na Demência», vencedor do Prémio do Voluntariado Portimão 2021, e é realizada quinzenalmente no Centro Paroquial do Amparo, às segundas-feiras, das 11h00 às 12h30. Num ambiente descontraído, são estimuladas nos participantes as reminiscências e a recordação de experiências e eventos do passado através da música, ao mesmo tempo que há um momento de conexão entre cuidador e pessoa cuidada.

A participação nesta atividade é gratuita, embora seja necessária inscrição através do e-mail ou pelo telemóvel 965 276 690.

Por outro lado, Portimão vai receber, em outubro deste ano, a segunda edição do Grupo Psicoeducativo para Cuidadores Informais, igualmente parte do projeto «SER na Demência», durante a qual serão desenvolvidas atividades formativas e de sensibilização, destinadas a cuidadores formais, informais e técnicos de instituições.

Todos os apoios são bem-vindos

Os interessados em apoiar esta causa poderão fazer um donativo pontual ou regular para o IBAN PT50 0035 2166 0002 1503 2309 7, sendo os benefícios fiscais (para empresas, até 140 por cento) aplicados na sua declaração de imposto, mediante as respetivas circunstâncias fiscais.

Entre outras modalidades, também existe a possibilidade de se tornarem associado particular (25 euros por ano) ou empresarial (150 euros por ano), ou consignar 0,5 por cento do seu IRS já pago para a Alzheimer Portugal na declaração de impostos, indicando o NIF 502 069 635.