Autarca de VRSA prioriza juventude e acesso à habitação no concelho

  • Print Icon

No âmbito do Encontro Nacional de Associações Juvenis.

O presidente da Câmara Municipal de Vila Real de Santo António (VRSA), Álvaro Araújo, destacou, durante a abertura do Encontro Nacional de Associações Juvenis (ENAJ), no sábado, 4 de junho, «a prioridade estratégica na juventude» e o «acesso à habitação» como vetores essenciais «para mudar e recuperar o concelho».

Organizado pela Federação Nacional de Associações Juvenis, em parceria com a Câmara Municipal de Vila Real de Santo António, o ENAJ reuniu durante o fim de semana perto de um milhar de jovens na cidade, representantes de mais de 250 associações juvenis «que rejuvenesceram a cidade pombalina em várias plataformas de debate, troca de ideias e mostras culturais, desportivas e gastronómicas».

O maior evento juvenil do país contou com as intervenções, entre outros, do Primeiro-ministro, António Costa, do Secretário de Estado do Mar, José Maria Costa, do diretor regional do Algarve do IPDJ, Custódio Moreno, e da vogal do IPDJ, Sílvia Vermelho.

Presentes estiveram também a Ministra-adjunta e dos Assuntos Parlamentares, Ana Catarina Mendes, o Secretário de Estado do Desporto e da Juventude, João Paulo Correia, a eurodeputada Marisa Matias e o presidente do IPDJ, Vítor Pataco.

O autarca de Vila Real de Santo António centrou a sua intervenção em dois pontos: as dificuldades que os jovens sentem na obtenção de habitação e o grande potencial presente nas suas ideias e vontades, «que deve ser apoiado e potenciado».

O edil destacou ainda «o papel importante dos poderes central e local na resolução dessas dificuldades e na capacitação dos jovens para a concretização dos seus projetos», dando exemplos concretos daquilo que este executivo tem vindo a fazer com a juventude, «incluindo-a e destacando-a como protagonista de um conjunto significativo de iniciativas transversais às diferentes dimensões do concelho».

Durante o ENAJ foi também formalizada a adesão do município à Rede Nacional de Municípios Amigos da Juventude, sendo ainda efetuada a eleição dos novos corpos dirigentes da FNAJ para um novo mandato de dois anos.