Motocross regressa ao Circuito da Cortelha no dia 1 de maio

  • Print Icon

Feriado preenchido com treinos e provas das 8h30 às 18h30.

O Circuito de Motocross Algar, localizado na Cortelha, concelho de Loulé, em pleno interior algarvio, acolhe no dia 1 de Maio, domingo, a terceira jornada do Campeonato Centro/Sul de Motocross de Portugal.

São esperados mais de 120 pilotos nas diversas classes, alguns deles algarvios, e que esperam contar com o entusiasmo e apoio do público da região, nesta prova que inclui as classes MX1, MX2, MX65, MX85, Senhoras e Clássicas.

Os treinos das diversas classes arrancam às 8h30, para que a meio da manhã, por volta das 11h00, tenham inicio as corridas oficiais, com o tiro de partida a ser dado pela 1ª manga de MX65. A cerimónia de entrega de prémios está prevista para as 18h30.

«O feriado de 1 de Maio, comemorado intensamente em todo o país, traz um renovado dinamismo ao interior algarvio, com a realização daquela que para muitos é uma das melhores provas de Motocross em Portugal, o tradicional Grande Prémio de Maio da Cortelha», explica a organização, a cargo da Associação dos Amigos da Cortelha.

O Circuito de Motocross Algar beneficiou de algumas alterações e melhorias, como «a criação de novos e espetaculares saltos, que farão as delícias de todos que acompanham este desporto. As condições naturais em que se insere o traçado continuam a ser um dos aliciantes deste evento, com a prova a trazer uma dinâmica e envolvência diferente à Serra do Caldeirão», afirma ainda a Associação dos Amigos da Cortelha.

A equipa da Associação está «a levar a cabo os últimos trabalhos no circuito louletano para que tudo esteja pronto no dia 1 de Maio, de modo a receber a caravana do motocross e os amantes da modalidade que certamente se vão deslocar à Cortelha para apoiar os pilotos algarvios e assistirem a um dia repleto de emoções fortes e de muita adrenalina».

Os bilhetes para o evento têm um custo de cinco euros e podem ser adquiridos à entrada do recinto.

A organização da prova está a cargo da Associação dos Amigos da Cortelha, com a chancela da Federação de Motociclismo de Portugal e o apoio da Câmara Municipal de Loulé, Junta de Freguesia de Salir,  Algar, Matemativerso, KeraKoll, Secil Britas, Albombas, Sul Moto e União Camionagem de Carga, entre outras entidades.