14º Portugal Masters antecipado para setembro em Vilamoura

  • Print Icon

Portugal Masters de 2020, estava calendarizado para outubro, mas irá afinal realizar-se de 10 a 13 de setembro, no Dom Pedro Victoria Golf Course, em Vilamoura.

Seguindo a nova política e estratégia de saúde, a mais importante torneio de golfe português integra o calendário retificativo da Corrida para o Dubai (Europan Tour), naquela secção posterior a uma série de seis eventos no Reino Unido.

O regresso à competição no European Tour, após a suspensão decretada a 8 de março, devido à pandemia do novo Coronavírus, será efetuado para a semana, com dois eventos consecutivos na Áustria – o Austrian Open e o Euram Bank Open –, e prosseguirá com seis torneios do UK Swing (em Inglaterra e País de Gales), antes de regressar à Europa Continental.

O Portugal Masters seguirá o programa do European Tour designado por Estratégia de Saúde, desenvolvido pelo diretor do departamento médico (Chief Medial Officer), Andrew Murray, resultante de um trabalho exaustivo junto dos consultores de saúde Cingnpost, e ainda com a colaboração das autoridades de saúde dos 30 países por onde passa o European Tour.

A 14ª edição do torneio português integra também a nova iniciativa Golf for Good, cujo objetivo consiste em apoiar as comunidades que acolhem etapas do European Tour, homenageando os verdadeiros heróis, como aqueles que trabalham na linha da frente, e ainda pugnando pela promoção dos benefícios da prática do golfe.

Peter Adams, o diretor de Campeonato do Portugal Masters agradece «ao Dom Pedro Hotels & Golf Collection e ao Turismo de Portugal pelos seus apoios, que permitiram a recalendarização do Portugal Masters para setembro».

Luís Araújo, o presidente do Turismo de Portugal, salienta que «Portugal tem vindo a afirmar-se como um incontornável destino de golfe, o que deve-se, sobretudo, à qualidade e diversidade da oferta de campos em todo o país».

Steven Brown campeão do Portugal Masters de 2019 recebeu o troféu de Filipe Silva do Turismo de Portugal. Foto:Luke Walker/ Getty Images.

«O reconhecimento internacional concretiza-se nos inúmeros prémios e distinções que temos vindo a conquistar, assumindo uma especial relevância a confiança que no país deposita no European Tour. Nos últimos 13 anos Portugal tem sido o anfitrião de um dos seus mais importantes torneios, o Portugal Masters».

«Acolher esta reputada competição, de projeção mundial, confirma, não só que Portugal possui excelentes condições para a prática do golfe, mas também a capacidade e profissionalismo na organização de eventos da modalidade», acrescentou.

«Neste ano particular, a realização da 14ª edição do Portugal Masters atesta o compromisso e o empenho de todos os parceiros: Turismo de Portugal, entidades regionais e empresas, na consolidação de um produto de qualidade, alinhado com uma nova realidade».

«A permanência em Portugal de uma competição desta envergadura é também uma mensagem de esperança aos golfistas de todo o mundo que nos visitam, e às empresas nacionais que, em boa hora, souberam responder às exigências e expetativas de um destino Clean & Safe», conclui Luís Araújo.

Vilamoura é um dos centros do golfe mundial, com cinco campos de elite e desde a primeira edição do Portugal Masters que o palco tem sido o prestigiado percurso desenhado pelo mítico Arnold Palmer no Algarve.

«A equipa do Dom Pedro Victoria Golf Course tem sido uma excelente anfitriã nos últimos 13 anos e estamos desejosos de voltar a trabalhar com essa equipa na próxima edição do torneio», frisa Peter Adams.

«O meu agradecimento vai também para a Federação Portuguesa de Golfe (FPG) e para as autoridades de saúde do país por todo o seu apoio. A segurança dos nossos membros, das nossas equipas e de todos os envolvidos no evento permanece como a nossa prioridade e o torneio será supervisionado pela Estratégia de Saúde do European Tour», conclui o diretor de Campeonatos do circuito profissional europeu.

Miguel Franco de Sousa, o presidente da FPG, não esconde a satisfação «por podermos garantir a organização do Portugal Masters em setembro. Eventos como este são cruciais para Portugal nestes períodos difíceis».

«Temos de estar todos totalmente comprometidos com a recuperação rápida do turismo de golfe no país e o Portugal Masters desempenha um papel fundamental, ao estabelecer Portugal como um dos mais importantes destinos turísticos de golfe do Mundo», sublinha o presidente da FPG.

Em 2019, Steven Brown conquistou o seu primeiro título do European Tour de forma emocionante pois precisava de um forte final de temporada para manter os seus direitos de permanência no European Tour em 2020. O inglês terminou com uma única pancada a menos do que os sul-africanos Brandon Stone e Justin Walters.

O calendário retificativo do European Tour inclui quatro torneios da Série Rolex: o Aberdeen Standard Investments Scottish Open (8-11) e o BMW PGA Championship (15-18) em outubro, seguidos do Nedbank Golf Challenge hosted by Gary Player em Dzembro (3-6) e da festa de encerramento da época, o DP World Tour Championship, no Dubai, também em dezembro (10-13), onde será coroado o campeão de 2020 da Corrida para o Dubai (R2D).

Mais detalhes sobre quais os torneios do European Tour que irão seguir-se ao Portugal Masters, entre setembro e novembro, serão anunciados em tempo devido. Neste momento há uma variedade de opções de calendário que estão a ser ainda consideradas e que terão de levar em conta a evolução da situação global.