São Brás de Alportel com intervenções de restauro na Igreja Matriz

  • Print Icon

Estão em curso intervenções de restauro na Igreja Matriz de São Brás de Alportel. Município aposta na valorização do património religioso.

A Igreja Matriz de São Brás de Alportel, edifício em vias de classificação, recebeu esta semana a visita de acompanhamento e avaliação das intervenções de restauro em curso, de técnicos da Direção Regional de Cultura do Algarve e dos Gabinetes Municipais de reabilitação urbana e arqueologia do Município de São Brás de Alportel, do prior António Farias e da vice-presidente da Câmara Municipal, Marlene Guerreiro, para conhecer as intervenções de restauro que estão a ser realizadas na Igreja Matriz de São Brás de Alportel.

Estão em curso intervenções de restauro na Igreja Matriz de São Brás de Alportel. Município aposta na valorização do património religioso.

Na continuidade da parceria que há muito vem sendo desenvolvida, em prol da preservação e valorização do património religioso, o município de São Brás de Alportel e a Fábrica da Igreja Paroquial de São Brás de Alportel assinaram no passado dia 28 de outubro, um protocolo de colaboração, no âmbito do qual o município apoiou a Paróquia no restauro de um conjunto de interessantes frescos, colocados recentemente a descoberto, aquando da intervenção de restauro do retábulo do Senhor dos Passos da Igreja Matriz.

No âmbito da boa relação institucional existente entre ambas as entidades e de forma a garantir a efetivação de reparações, obras de restauro melhorias nos edifícios eclesiásticos localizados no concelho, o município acordou ao abrigo deste protocolo, um apoio de 20.300,00 euros.

Este valor de apoio teve ainda em conta um investimento que a paróquia se encontra a realizar para adquirir mais alguns vitrais para adornar as janelas da Igreja Matriz.

Estas intervenções permitem executar a estratégia municipal de preservação e valorização do património do concelho de São Brás de Alportel.

A Igreja Matriz, edifício em fase de classificação, é um dos espaços mais visitados e que mais interesse suscita no centro histórico da vila.

Este é um investimento na promoção do turismo no concelho tanto a nível cultural como ao nível do turismo religioso.

O património religioso é um valioso legado da história e identidade local, cuja preservação tem sido encarada como fundamental pela Câmara Municipal.

O município encontra-se a preparar alguns materiais informativos e pretende criar um roteiro de visita à Igreja Matriz.