Artis XXI traz música às igrejas de Lagoa e Ermida de Guadalupe

  • Print Icon

Ciclo de Concertos Artis XXI decorre até 28 de outubro, nas igrejas do concelho de Lagoa e na Ermida da Guadalupe, em Vila do Bispo.

O IV Ciclo de Concertos Artis XXI decorre até 28 de outubro, nas igrejas do concelho de Lagoa e na Ermida da Guadalupe (espaço integrado no programa DiVam promovido pela Direção Regional Cultura do Algarve).

Integra um total de sete concertos com formações diversas, sendo um fim de semana dedicado em exclusivo ao acordeão enquanto instrumento que ocupa um lugar importante na cultura algarvia.

A edição deste ano propõe destacar o repertório escrito para instrumentos de sopro e incentivar e valorizar a ascensão do trabalho desenvolvido pelas mulheres neste campo, dominantemente masculino.

Pretende ainda conjugar a interpretação de obras musicais escritas para pequenos agrupamentos em espaços icónicos e centrais das diversas comunidades locais, como é o caso do património edificado religioso de Lagoa.

Está ainda prevista a realização de um workshop de Acordeão no dia 22 de outubro, no Conservatório de Artes de Lagoa dirigido a alunos do ensino do acordeão e facilitada pelo professor Paulo Jorge Ferreira.

Este workshop pretende motivar os alunos para o estudo deste instrumento e promover a divulgação do acordeão enquanto instrumento de concerto. As inscrições podem ser feitas através de email (secretaria.cal@artis21.pt).

O evento incluirá também a iniciativa Manhãs Musicais ARTIS XXI, concertos que vão decorrer nos quatro centros seniores lagoenses, levando a música a quem tem a sua mobilidade condicionada e contribuir para a descentralização da cultura no território de Lagoa.

Dentro desta perspectiva, irá também continuar a apostar nos jovens, com a realização de concertos pedagógicos exclusivos para escolas, com ensaios abertos e comentados promovendo, desta forma, a criação de hábitos de fruição cultural.

Em Vila do Bispo os concertos são às 17 horas e em Lagoa realizam-se às 19 horas.

Este é um evento produzido pela Artis XXI, apoiado pelo município de Lagoa, DGartes, Direção Regional de Cultura do Algarve, Folefest e Festa da Música – Instrumentos Musicais, em parceria com o Folefest. A Direção Artística está a cargo de Elsa Mathei e a Direção de Produção por Rute Gomes.

A Associação Artis XXI é uma associação sediada no Concelho de Lagoa que trabalha com e para as pessoas. Tutela o Conservatório de Artes de Lagoa e está em constante inquietação enquanto agente de mudança social. Assume-se dinâmica e empreendedora na promoção das artes, no trabalho inclusivo e de promoção dos vínculos emocionais enquanto patamar de construção para um futuro mais cooperativo, solidário e empático com o próximo.

Ao longo dos seus quatro anos de existência já conta com diversos momentos que se entranharam na comunidade no âmbito da programação cultural, criação artística e mediação cultural. Dos eventos anuais permanentes destacam-se o Festival de Piano Cidade de Lagoa | Ciclo Concertos ARTIS XXI | Sons D’Aquém Mar.

Conta como parceiro principal, no desenvolvimento das suas actividades, o município de Lagoa. A sua rede de actuação cultural alarga-se a diversos campos sociais, desde centros seniores às escolas. Tem contado com o apoio regular da DGArtes, Direcção Regional de Cultura do Algarve, Região de Turismo do Algarve, entre outras entidades.

Programa

7 de outubro | 19h00 | Igreja Matriz de Lagoa
A Música no Feminino
Quinteto de Sopros
Rute Gomes | Flauta Transversal
Inês Figueiredo | Oboé
Patrícia Camelo | Clarinete
Rute Santos | Fagote
Catarina Silva | Trompa

9 de outubro | 17h00 | Ermida de Guadalupe, Vila do Bispo
Projeto Armilar
Catarina Carvalho | Soprano
Ana Figueiras | Flauta de Bisel
Teresa Madeira | Violoncelo Barroco
Elsa Mathei | Cravo

14 de outubro | 19h00 | Igreja de Porches, Lagoa
«Impressions»
Duo Trompa e Harpa
Inês Cavalheiro | Harpa
Armando Camolas Martins | Trompa

21 de outubro | 19h00 | Igreja de Parchal, Lagoa
Dias do Acordeão
AffrettanDuo
Sofia Weffort | Violino
Ronison Borba | Acordeão

22 de outubro | 19h00 | Igreja da Mexilhoeira Grande, Lagoa
Dias do Acordeão
Francisco Martins, acordeão solo
Camille Saint Saëns – Dança Macabra (transcrição Yuri Shishkin)
Instant Duo: David Nunes, flauta transversal | Fábio Palma, acordeão
Anatoly Kusyakov – Cinco Imagens Espanholas
Stretto Duo: Catherine Strynckx, violoncelo | Paulo Jorge Ferreira, acordeão

28 de outubro | 19h00 | Igreja de Ferragudo, Lagoa
Ecos – música para voz, clarinete e piano
Trio Voz, Clarinete e Piano
Mariana Picado | Soprano
Ana Maria Santos | Clarinete
Daniel Godinho | Piano