Mau Tempo: Ventos fortes derrubaram mais de uma centena de árvores a Sul do Tejo

  • Print Icon

Fontes dos CDOS de Portalegre, Setúbal, Évora, Beja e Faro disseram à L usa que não têm conhecimento de danos humanos causados pelo mau tempo.

Em Portalegre, fonte do CDOS disse à agência Lusa que durante a noite f oram registadas quedas de árvores em vias públicas e em vários concelhos.

No distrito de Setúbal, os bombeiros deslocaram-se a 80 inundações urba nas – domésticas e na via pública – a maioria nos concelhos de Setúbal e Alcácer do Sal.

Neste distrito ocorreram também, pelo menos, 23 quedas de árvores, refe riu a fonte.

Fonte do CDOS de Évora disse à Lusa que durante a noite os bombeiros do s vários concelhos do distrito removeram 23 árvores caídas, deslocaram-se a sete inundações urbanas e tiveram ainda de proceder à lavagem de duas vias, devido à acumulação de terras.

No distrito de Beja, há o registo de cerca de 40 árvores caídas, de aco rdo com fonte do CDOS.

Os ventos fortes provocaram também a queda de cerca de 40 árvores “um p ouco por todos os concelhos do distrito de Faro”, disse à Lusa fonte do CDOS.

O mau tempo com chuvas e ventos fortes assolou durante toda a noite Por tugal continental.