GNR de Silves apreendeu 60 nassas utilizadas na pesca ilegal

  • Print Icon

O Comando Territorial de Faro da Guarda Nacional Republicana (GNR) apreendeu cerca de 60 nassas de pesca utilizadas na pesca ilegal, em Silves.

O Comando Territorial de Faro da Guarda Nacional Republicana (GNR) , através do Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) Silves, apreendeu cerca de 60 nassas de pesca utilizadas na pesca ilegal, no concelho de Silves, na terça-feira, dia 13 de setembro.

Na sequência de uma denúncia na Linha SOS Ambiente, por uma alegada situação de pesca ilegal, os militares da Guarda desenvolveram diversas diligências policiais que culminaram na apreensão de cerca de 60 nassas (tipo de armadilha) e respetivas estacas de madeira.

No decorrer da ação foram também apreendidos cerca de 17 quilos de espécies piscícolas, nomeadamente camarão da ribeira, enguias juvenis, lagostim vermelho do Louisiana e tainhas, ao abrigo da Lei da Pesca e Gestão dos Recursos Aquícolas, os quais foram devolvidos ao seu habitat natural.

Os factos foram remetidos para o Tribunal Judicial de Silves.

A Guarda Nacional Republicana, através do Serviço da Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA), tem como preocupação diária a proteção dos animais, apelando à denúncia de situações de âmbito ambiental.

Para o efeito, poderá ser utilizada a Linha SOS Ambiente e Território (808 200 520) funcionando em permanência para a denúncia de infrações ou esclarecimento de dúvidas.