Castro Marim quer sensibilizar os «Jovens pelo Ambiente»

  • Print Icon

Participantes no programa receberão uma bolsa semanal de apoio.

O município de Castro Marim lança aos jovens entre os 16 e os 25 anos, residentes no concelho, o repto de se candidataram ao programa de trabalho de verão «Jovens pelo Ambiente».

O objetivo passa por sensibilizar a comunidade a respeitar e cuidar do espaço público e a valorizar o ambiente, informar sobre a importância de produzir menos lixo e reciclar e reutilizar mais.

Por outro lado, «esta é também uma iniciativa que pretende alertar, valorizar e dignificar o trabalho dos cantoneiros de limpeza, que, todos os dias, nos mesmos sítios, se esforçam por manter limpos os espaços que, não raras vezes, não são respeitados», lamenta a Câmara Municipal.

«Porque a juventude é a idade da audácia, da bravura, do desafio e do crescimento e fortalecimento dos valores, porque não ter um verão diferente, com uma nobre missão: valorizar o ambiente e os agentes que dele cuidam»», desafiam os responsáveis municipais.

Numa primeira fase são abertas 10 vagas, ficando os jovens em funções afetas ao Serviço de Juventude e Ambiente, em Castro Marim, de 18 de julho a 31 de agosto.

Serão permanentemente acompanhados, tendo direito a uma bolsa semanal. A iniciativa inclui um programa de formação de seis horas, seguro de acidentes pessoais e diploma de participação.

O programa «Jovens pelo Ambiente» permite aos mais novos uma oportunidade educativa não formal, aliada à experiência prática em contexto de trabalho, facilitando o seu desenvolvimento pessoal e social e a possibilidade de incrementarem o seu currículo.

As inscrições podem ser feitas por e-mail.