Alcoutim aprova moção pela construção da barragem da Foupana

  • Print Icon

«Mais que encontrar culpados para a falta de água, importa apresentar soluções para o aumento da quantidade disponível», afirmam os responsáveis municipais.

O município de Alcoutim aprovou, por unanimidade, uma moção para a construção da barragem da Ribeira da Foupana, em reunião de Câmara realizada no dia 13 de abril.

«Olhemos para o Alqueva e tiremos ilações. Os impactos económicos na região são imensuráveis. Uma nova barragem irá permitir, mais que apenas o aumento da disponibilidade da água, uma oportunidade de desenvolvimento económico do espaço rural», lê-se no texto.

«A situação de seca em que o país, em geral, se encontra, independentemente da possibilidade de ocorrência de precipitação até aos meses de verão, vem revelar a necessidade urgente de se olhar para este problema de uma forma detalhada e duradoira. O nosso Algarve é, talvez, a região que mais sofre com a falta deste recurso. Como principais culpados desta situação, surgem, sempre, em primeiro lugar, a agricultura, seguida do golfe. O golfe é uma importante oferta turística, nesta que é a principal região turística do país, e agricultura, no sentido lato, além de ser uma atividade fundamental para a alimentação, é também a principal arma de combate ao êxodo rural. E já provou que, em tempos de crise económica, quando o turismo sofre quedas significativas, funciona como amortecedor da economia regional», defende o executivo alcoutenejo no documento.

«Mais que encontrar culpados para a falta de água, importa apresentar soluções para o aumento da quantidade disponível, uma vez que será demagógico pensar que com a redução da agricultura, da área de golfe ou com a limitação do consumo conseguimos resolver o problema. Como soluções, têm sido apresentadas a dessalinização, o desvio de água do Guadiana na zona do Pomarão, o aproveitamento das águas residuais e a construção de açudes móveis. Todas elas importantes e exequíveis, contudo, adicionar a construção de uma nova barragem na Ribeira da Foupana, tem sido uma ambição antiga, com uma resistência forte por parte dos organismos», situação que aquele município gostaria de alterar.