Vila Real de Santo António completa 33 anos da elevação a cidade

  • Print Icon

Vila Real de Santo António (VRSA) assinala hoje, quinta-feira, dia 11 de março, o 33º aniversário da sua elevação a cidade.

Devido à situação de pandemia que se vive atualmente, as comemorações irão decorrer em formato digital, através de um webinar que contará com a participação dos autarcas de quatro cidades geminadas, que também celebram hoje esta efeméride (Fundão, Marinha Grande e Montemor-o-Novo), assim como de elementos da comunidade escolar envolvida no projeto «À Descoberta das 4 Cidades».

Durante a transmissão, que será partilhada na página Facebook de cada um dos municípios, será apresentado o site das quatro cidades, assim como um jogo online em formato quiz, intitulado «Usos da Água, Ontem e Hoje».

No dia 11 de março de 1988, as então vilas de Fundão, Marinha Grande, Montemor-o-Novo e Vila Real de Santo António foram elevadas à categoria de cidades. Este ato foi testemunhado por muitos fundanenses, marinhenses, montemorenses e vila-realenses na Assembleia da República.

A partir desta data, e através de uma geminação então criada, estas localidades passaram a denominar-se «cidades irmãs» e o dia 11 de março ficou a ser comemorado, até hoje, como o dia de aniversário «das 4 cidades irmãs». 

Anualmente, e de uma forma rotativa, esta efeméride tem sido celebrada em cada um dos concelhos, mas este ano, em função da situação pandémica, a tradição teve de ser suspensa.

Mais tarde, em 1994, nasceu o projeto «À Descoberta das 4 Cidades», uma iniciativa interescolar que pretende dar a oportunidade, a todas as crianças do 1º ciclo, «de conhecer estas cidades geograficamente, gastronomicamente e culturalmente tão diferentes».

O símbolo do caracol é o elemento comum aos estudantes dos quatro municípios.