Vila do Bispo inaugurou escultura «Renascimento da Pedra»

  • Print Icon

A obra «Renascimento da Pedra» do artista brasileiro Renato Rodyner integra, desde janeiro, a Praça de Tanegashima, em Vila do Bispo.

Trata-se de uma escultura em mármore, onde o artista aproveita a cor natural da pedra como tinta e usa a sua cor natural como contraste da pedra polida e texturizada dando assim segundo o autor «… um renascimento a uma pedra que se encontrava na natureza e sem vida».

A obra «Renascimento da Pedra» do artista brasileiro Renato Rodyner integra, desde janeiro, a Praça de Tanegashima, em Vila do Bispo.

A escultura foi doada ao município e a sua inauguração decorreu, no passado dia 22 de janeiro, numa cerimónia integrada nas comemorações do Dia do Município, que contou com a presença do escultor, Renato Rodyner, da presidente da Câmara Municipal, Rute Silva, do presidente da Assembleia Municipal, Luciano Rafael, e convidados.

O escultor referiu que se sente «…muito orgulhoso de ter uma obra minha em Vila do Bispo e assim registar uma união entre Portugal e Brasil».

Renato Rodyner nasceu em 1962, em Porto Alegre, no Brasil. Vive em Portugal desde 1990, onde tem o seu atelier. Com uma carreira internacional sólida e reconhecida, tem apresentado os seus trabalhos um pouco por todo o mundo, nomeadamente em Macau, França, Mónaco, Hungria, Espanha, Nova Iorque, Equador e Moscovo. Encontra-se representado em diversas coleções, como no Céres Franco Musée, no Museu da Água, no Centro Islâmico do Arieiro e no Centro Português de Serigrafia (Portugal), no Centro Cultural dos Correios (Rio de Janeiro), entre outras.