São Brás amplia Rede de Saneamento e prepara escolas para o ano letivo

  • Print Icon

Avança a ampliação da rede de saneamento no concelho de São Brás de Alportel, um investimento na ordem dos 52 mil euros. Município prepara também as escolas para o novo ano letivo.

A ampliação da Rede de Saneamento do concelho de São Brás de Alportel é um processo contínuo, estando neste momento em curso a empreitada de ampliação da rede de esgotos na área de Farrobo – Campina dos Galegos.

A intervenção em curso, numa área adjacente à EN2, compreendida entre Farrobo, Tesoureiro e Alportel, pretende dotar esta zona já totalmente servida pela rede de abastecimento de água da rede de saneamento, junto de alguns aglomerados urbanos, infraestrutura crucial para a qualidade de vida que se procura promover no concelho.

A obra adjudicada à empresa Vítor Manuel Pedro, Lda, conta com um investimento municipal de 52.322.47 euros,  está inserida no Plano Geral de Ampliação da Rede de Saneamento do concelho e é mais um passo no processo gradual que tem como objetivo abranger a totalidade do concelho.

Uma obra que promove melhores condições no saneamento básico e que resulta em melhores condições de saúde, mais qualidade de vida e na preservação do ambiente.

Ao mesmo tempo, o município avança com a nova fase do plano de manutenção do parque escolar, uma prática habitual durante o período de férias.

Neste âmbito decorrem obras nas Escolas Básicas EB1 de Alportel, EB1 de Mesquita, EB1 de Vilarinhos, bem como no Jardim de Infância do Corotelo, espaços que estão a ser alvo de trabalhos de manutenção por administração direta, ao nível de pinturas e reparações de fissuras, reparação de infiltrações em paredes e muros, renovação de guardas de proteção e equipamentos, entre outros trabalhos, executados pelos serviços técnicos e operacionais do município, num esforço coletivo que envolve todos os sectores da Câmara Municipal, em estreita articulação com o Agrupamento de Escolas José Belchior Viegas.

Após ter início do período de férias letivas, este é o momento indicado para a execução destes trabalhos de manutenção mais exigentes e profundos ao nível das infraestruturas que este ano tiveram o seu arranque pela Escola EB1 de Vilarinhos, onde para além dos trabalhos ao nível da pintura também foram verificadas janelas, portas e equipamentos técnicos essenciais para o bom estado de conservação do parque escolar.

A manutenção e valorização das infraestruturas Escolares do concelho é um trabalho exigente e contínuo, que constitui uma prioridade quer ao nível da preservação, como da utilização exigindo um planeamento faseado e rigoroso, também muitas vezes acompanhando os processos de financiamento disponíveis para esse efeito.

Por mais um ano, as escolas são-brasenses não foram de férias para que no arranque do próximo ano letivo, os alunos, professores, educadores e toda a comunidade educativa tenham todas as condições necessárias.

Os investimentos na educação são contínuos e em estreita articulação com o agrupamento escolar definindo as prioridades e as necessidades de intervenção em cada equipamento escolar.