Portimão é cabeça de cartaz das equipas de Fórmula 1

  • Print Icon

Equipas de Fórmula 1 produzem cartazes que colocam o protagonismo na cidade de Portimão.

A competição arranca no Autódromo Internacional do Algarve esta sexta-feira e principal corrida tem lugar no próximo domingo, 2 de maio.

A partir desta sexta-feira, 30 de abril, e até ao próximo domingo, 2 de maio, o Autódromo Internacional do Algarve (AIA) recebe pelo segundo ano consecutivo o Grande Prémio de Portugal em Fórmula 1, que junta em Portimão os melhores pilotos e marcas do circuito mundial, unânimes nos elogios ao circuito algarvio.

Alfa Romeu.

Apesar de ainda não ser possível contar com público nas bancadas, devido à COVID-19, Portimão volta a atrair a atenção dos milhões de fãs da mais importante competição do desporto motorizado, que ficam a conhecer a cidade e os seus encantos turísticos, também através dos cartazes que algumas equipas estão a divulgar nas redes sociais, numa antecipada «corrida fora de pista».

Ferrari.

Essa projeção mediática traduz-se de diversas formas, sendo feliz exemplo disso o cartaz promocional que o ilustrador italiano Simone Delladio criou para a Ferrari, uma das principais escuderias em competição, no qual um veloz bólide acelera por uma típica rua da parte antiga de Portimão.

AlphaTauri.

Na mesma linha, e depois de a AlphaTauri Honda ter sido a primeira a divulgar um cartaz sobre o GP de Portugal, também a Alfa Romeo Racing Orlen e a McLaren estão a promover graficamente a prova algarvia, tendo sido convidados conhecidos ilustradores para criarem autênticas obras de arte inspiradas na região, através de cartazes que nos últimos dias têm viralizado nas redes sociais.

McLaren.

Segundo a presidente da Câmara Municipal de Portimão, Isilda Gomes, «este megaevento desportivo é uma oportunidade única para nos dar a conhecer ao mundo enquanto destino turístico de eleição, onde é bom viver e investir de forma sustentável e diversificada», realçando o facto de a passagem da Fórmula 1 por Portimão em outubro passado ter produzido um impacto direto na economia local estimado em 100 milhões de euros.