Jovem louletano apadrinhou torneio para crianças órfãs no Egipto

  • Print Icon

A convite da Princesa do Qatar, Tiago Guadalupe, autor de «Liderator – A Excelência no Desporto», foi um dos embaixadores, juntamente com outros jogadores de renome do futebol mundial, do «SATUC Football Tournament 2019, Al-Ahly Club», que decorreu no passado dia 18 de junho, no Cairo.

A capital egípcia foi, assim, palco do maior torneio de futebol no mundo árabe para crianças órfãs, um evento desportivo que contou com a participação de 200 crianças egípcias e 200 crianças sírias.

Promovido pela SATUC, organização presidida por Sheikha Al Thani, princesa do Qatar, e pelo maior clube africano, o Al Ahly FC do Egipto, o torneio foi apadrinhado pelo técnico de desporto Tiago Guadalupe, natural de Loulé, e que recentemente lançou a biografia do ex-jogador Maniche.

De resto, o torneio também foi apadrinhado pelo próprio Maniche, pelo antigo avançado benfiquista Nuno Gomes, e também pela antiga glória dos encarnados, Humberto Coelho, para além do empresário Lucídio Ribeiro e Geraldine Ribeiro.

Refira-se que a SATUC é uma organização sem fins lucrativos que trabalha para ajudar crianças órfãs e desfavorecidas em todo o mundo. Concentra-se em ajudar a capacitar as crianças através de projetos comunitários, dando-lhes competências e valores essenciais para se destacarem na vida.

O futebol, como desporto coletivo, é visto pela SATUC como uma ferramenta vital para alcançar os objetivos pretendidos. Tem uma capacidade única de transcender as barreiras sociais e unir as pessoas.