Loulé faz balanço positivo da vigilância florestal por jovens voluntários

  • Print Icon

Aconteceu pelo 16.º ano consecutivo, em Loulé, o programa «Vigilância Florestal – Voluntariado Jovem», destinado a jovens em férias escolares.

A Câmara Municipal de Loulé, através do seu Serviço Municipal de Proteção Civil, com o apoio das Juntas de Freguesia de Alte, Ameixial, Salir e União de Freguesias Querença, Tôr e Benafim, promoveu pelo décimo sexto ano consecutivo o programa «Vigilância Florestal – Voluntariado Jovem», destinado a jovens em período de férias escolares.

A atividade decorreu nos meses de julho e agosto, contou com a participação de 56 jovens com idades compreendidas entre os 12 e 17 anos, organizados em grupos de 7 elementos, acompanhados por um monitor.

As brigadas realizaram vigilância em dias alternados durante duas semanas, com caminhadas pelos espaços rurais nas diferentes freguesias do concelho de Loulé.

A ação teve como objetivo a prevenção e detecção de fogos florestais, a sensibilização e informação à população, para além da aprendizagem relacionada com os incêndios florestais e das caminhadas ao ar livre e a valorização do património ambiental, o programa favorece as relações interpessoais entre os elementos dos grupos.

Aconteceu pelo 16.º ano consecutivo, em Loulé, o programa «Vigilância Florestal – Voluntariado Jovem», destinado a jovens em férias escolares.

No encerramento de cada brigada os participantes tiveram a oportunidade de conhecer a Unidade Avançada de Proteção Civil em Vale Maria Dias, onde teve lugar o encontro com as Equipas Municipais de Intervenção Florestal e Sapadores Florestais do município, contactando diretamente com os equipamentos usados pelas equipas na sua atividade diária durante o período de maior risco de incêndio, assim como com a brigada a cavalo da GNR que colabora no mesmo objetivo e que se encontra sediada no período de verão neste edifício.