Lagos junta-se ao Movimento de Municípios pela Paz

  • Print Icon

Ao todo, o Movimento Municípios pela Paz congrega 32 municípios.

A Câmara Municipal de Lagos aceitou o convite que lhe foi endereçado pelo município do Seixal para integrar o Movimento Municípios pela Paz.

Criado em 2016, por iniciativa do Conselho Português para a Paz e Cooperação (CPPC) e um conjunto de municípios portugueses, o referido Movimento norteia a sua ação em função de dez compromissos, os quais são inspirados nos princípios da Carta das Nações Unidas e nos valores de Abril de 1974.

A defesa da Paz, da Cooperação e da Solidariedade, enquanto valores essenciais ao desenvolvimento humano e à liberdade dos povos, são os objetivos pelos quais trabalham em parceria.

«Comungando dos valores e princípios humanistas, consagrados na Constituição da República Portuguesa e na Carta dos Direitos Humanos, e impulsionada por este movimento», a Câmara Municipal de Lagos aprovou a adesão ao Movimento, comprometendo-se «a implementar os 10 Compromissos pela Paz e a colaborar nas atividades definidas, envolvendo a comunidade local e as entidades que a integram.

Atualmente, já contando com Lagos, integram este movimento 32 municípios de várias regiões do país.

Entre as ações previstas para 2021 está o Encontro da Paz, a realizar em Setúbal no próximo mês de junho, bem como a realização de «Concertos para a Paz», exposições, iniciativas destinadas à comunidade escolar, entre outras.