Lagoa e Estômbar recebem sessões da «Marafada Quarentena»

  • Print Icon

Comédia teatral «Marafada Quarentena», de Carlos Pacheco, terá apresentações em Estômbar e Lagoa no mês de setembro.

Integrado no Festival Cultural «A Cultura Sai à Rua», este espetáculo de comédia para toda a família terá quatro sessões, sendo duas realizadas em Estômbar, nos dias 2 e 3 de setembro, no Recinto de Feiras e Exposições (Recinto das Tasquinhas), e duas em Lagoa, no recinto da Fatacil, nos dias 9 e 10 de setembro.

Com textos e letras originais de Carlos Pacheco, «Marafada Quarentena» constitui um bom exemplo de como os artistas locais não desanimam e arregaçam os braços para enfrentar os obstáculos causados nos últimos tempos pela pandemia COVID-19.

«A comédia acompanha as peripécias de uma família tão hilariante quanto disfuncional, durante o período de confinamento, estando desde logo garantida uma generosa dose de gargalhadas, porque rir é o melhor remédio», segundo a sinopse.

Quando é decretado o estado de emergência, o pânico instala-se dentro do pequeno apartamento da família Sampaio, que se encontra à beira do divórcio. Tudo começa a dar errado no momento em que Anatólio Sampaio, bancário e chefe de família, percebe que, graças à COVID–19, todos os seus planos vão por água abaixo.

Agora, e por tempo indeterminado, vai ter de dividir o seu apartamento com a família e… alguns indesejados.

Tudo isto para descobrir nas sessões que têm o seu início sempre marcado para as 21h00, com os ingressos a terem um custo de cinco euros. Já se encontram à venda na bilheteira online, aqui.

Os lugares são limitados e devem ser cumpridas as regras em vigor emitidas pela Direção-Geral de Saúde.