Já foi inaugurado o novo Porto de recreio de Olhão

  • Print Icon

Existe «uma lista de mil pessoas que gostariam de transferir as suas embarcações» para esta nova estrutura.

O porto de recreio de Olhão foi oficialmente inaugurado no sábado, dia 23 de julho, dotando a zona poente da cidade de 720 lugares de amarração, para além de uma zona comercial e lúdica de 2.550 metros quadrados com «vista privilegiada» sobre a ria Formosa.

A concessão de 35 anos à empresa Verbos do Cais representa, até à data, um investimento de 8,5 milhões de euros na frente ribeirinha de Olhão, que «aumenta em qualidade e passa a rivalizar com qualquer frente ribeirinha do Algarve», nas palavras do presidente da Câmara Municipal, António Miguel Pina.

Para além da zona comercial, a requalificação daquela zona contemplou a renovação total dos pontões, a construção de um posto de combustível para barcos, um cais de receção, balneários e outros serviços para os navegantes.

De acordo com o presidente do Conselho de Administração da Verbos do Cais, Ludwig Schlosser, a empresa prevê que o investimento chegue aos 10 milhões de euros, quando terminar as obras do futuro estaleiro e de mais postos de amarração para embarcações, uma vez que «existe atualmente uma lista de espera de mais de mil pessoas que gostariam de transferir as suas embarcações para o porto de recreio de Olhão».