• Print Icon

Guarda Nacional Republicana (GNR) 146 peças em marfim num estabelecimento comercial de Vila Real de Santo António (VRSA).

O Comando Territorial de Faro da Guarda Nacional Republicana (GNR), através do Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) de Tavira, procedeu à apreensão de 146 peças em marfim, no concelho de Vila Real de Santo António (VRSA) no dia 13 de setembro.

Na sequência de uma denúncia através da Linha SOS Ambiente, por venda ao público de peças em marfim em estabelecimento comercial, os militares da Guarda desenvolveram diversas diligências policiais que culminaram na apreensão de 146 peças de marfim, ao abrigo da Convenção sobre o Comércio Internacional das Espécies Silvestres Ameaçadas de Extinção (CITES).

No decorrer da ação policial foi identificado um homem de 65 anos.

A Guarda Nacional Republicana, através do Serviço da Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA), tem como preocupação diária a proteção dos animais, apelando à denúncia de situações de âmbito ambiental.

Para o efeito, poderá ser utilizada a Linha SOS Ambiente e Território (808 200 520) funcionando em permanência para a denúncia de infrações ou esclarecimento de dúvidas.