Escultura de Miguel Cheta dá vida ao Calçadão de Quarteira no verão

  • Print Icon

«O Sol não divide a Sombra» é o nome do trabalho escultórico do artista Miguel Cheta que será inaugurado hoje, dia 20 de julho, ficando patente até 19 de setembro no Calçadão de Quarteira (perto da Geladaria Roma).

A escultura, em madeira, vidro, azeite e óleo de palma, será inaugurada às 18h00 e resulta num dispositivo ótico de apreensão da memória, que carrega as ligações afetivas que respondem à vivência do autor e um entendimento do espaço. A cidade, matéria e paisagem, e o espírito do lugar.

«Nas raízes da intervenção encontramos um profundo sentido humanista, pela proposta de tolerância, compreensão, partilha e união dos homens em torno dos seus lugares de memória», explica o município louletano.

Nascido em Loulé, em 1970, Miguel Cheta é licenciado em Artes Visuais pela Universidade do Algarve e frequentou o MobileHome – escola nómada e experimental de arte contemporânea dirigida por Nuno Faria, em Loulé.

Tem participado em projetos educativos que cruzam o Património ou/e a Educação com o processo artístico, tais como Lugares Mágicos da Direção Regional da Cultura do Algarve, 10X10 da Fundação Calouste Gulbenkian e Arte Vezes Educação da Câmara Municipal de Loulé. Expõe regularmente desde 2001.

A sua obra reflete a «relação de proximidade com o território que ama e habita, este lugar periférico, paradigmático, conhecido por Algarve».