Castro Marim inaugura Ciclovia da Lezíria até VRSA

  • Print Icon

Via liga Castro Marim a Vila Real de Santo António e também à Reserva do Sapal.

A Câmara Municipal de Castro Marim vai inaugurar, já amanhã, sexta-feira, dia 28 de fevereiro, às 10h30, a Ciclovia da Lezíria.

A cerimónia terá lugar junto ao Revelim de Santo António, em Castro Marim, com vista para a infraestrutura ciclável, localizada na EN122, que liga agora a vila de Castro Marim a Vila Real de Santo António desta forma mais sustentável.  

A Ciclovia da Lezíria tem cerca de 3 quilómetros e permite, além do acesso Vila Real de St. António – Monte Gordo – Castro Marim, o acesso ao interior da Reserva do Sapal. A obra foi comparticipada pelo Programa Operacional CRESC Algarve 2020, projeto PADRE, apoiada por Portugal e União Europeia, cofinanciada a 70 por cento pelo FEDER.

Esta obra conta com a assinatura do ciclista Ricardo Mestre, um nome castromarinense conhecido do público pelas suas presenças e conquistas no ciclismo.

O projeto sustentável, no entanto, é mais ambicioso e não «quer» ficar por aqui: pretende-se criar um triângulo verde ciclável entre Castro Marim – Vila Real de Santo António – Praia Verde.

Em concurso está já o troço de Castro Marim à Praia Verde, uma empreitada estimada em cerca de 850000,00 euros acrescidos de IVA, comparticipada pelo CRESC Algarve 2020, projeto PADRE, apoiada por Portugal e União Europeia, também cofinanciada a 70 por cento pelo FEDER.

Localizada na EN125-6, a via de acesso à freguesia de Altura e ao IC27, esta ciclovia deverá ter uma extensão de cerca de 5 quilómetros e a sua criação está integrada num projeto de valorização da estrada, nomeadamente no alargamento, repavimentação e melhoria da drenagem.

A criação de novas infraestruturas cicláveis pretende «interligar-se às políticas desportivas e culturais e de desenvolvimento do concelho de Castro Marim, numa perspetiva de valorização do património natural, mas também do cultural e edificado», explica a autarquia.