Albufeira mantém 2º lugar nacional em barómetro da Marktest

  • Print Icon

Albufeira ocupa a segunda posição a nível nacional no barómetro «Municípios Online», da Marktest.

A Marktest já divulgou os resultados do seu estudo anual de análise ao desenvolvimento dos municípios portugueses, calculado com base em informação produzida pelas fontes oficiais de estatística, onde Albufeira volta a ocupar a vice-liderança nacional, com um rating global de 13,9 valores numa escala de 1 a 20.

No total, são analisados 39 indicadores agrupados por 3 componentes: dinamismo demográfico, dinamismo económico, qualidade de vida. A cidade algarvia volta a ocupar o segundo lugar nacional, duas décimas abaixo do concelho de Aveiro, líder do estudo.

Lisboa, Braga e Cascais completam, por esta ordem, o top dos cinco municípios com melhor rating. O capítulo económico é aquele em que o concelho de Albufeira mais se destaca, atingido nesta área a liderança nacional.

Para José Carlos Rolo, presidente da Câmara Municipal de Albufeira, trata-se de «uma boa notícia, numa altura em que a pandemia domina atualidade». O autarca evidencia a sua «satisfação por verificar que Albufeira continua na vice-liderança deste estudo, o que representa mais um motivo para fazermos mais e melhor, de maneira a mantermos os indicadores que nos são favoráveis e, simultaneamente, melhorarmos os aspetos em que estamos menos bem».

O barómetro «Municípios Online» é um instrumento lançado em 2014, que permite observar 39 indicadores baseados no dinamismo demográfico, económico e qualidade de vida. O objetivo é facultar novas ferramentas às entidades locais ou a empresas, para que possam observar, de forma rápida e intuitiva, os principais pontos fortes e fracos de cada um dos 308 concelhos do país.

A aplicação disponibiliza mais de 600 variáveis para vários anos, organizadas pelos mais variados temas: Demografia; Famílias; Habitação; Educação; Saúde; Cultura; Empresas; Emprego e Desemprego; Agricultura; Energia; Construção; Comércio; Ramo Automóvel; Turismo; Banca; Eleições; Índices Marktest e Ratings concelhios.

O rating é elaborado segundo três componentes distintas: dinamismo demográfico que reúne um total de oito indicadores, dinamismo económico que junta 16 indicadores e a qualidade de vida que congrega um total de 15 indicadores.

Cada indicador é classificado com uma notação de 1 a 20, tendo em conta a posição do concelho no conjunto dos 308 concelhos do país. As três componentes – demográfica, económica e qualidade de vida – têm uma notação média correspondente à média aritmética dos indicadores que a constituem. O rating concelhio total resulta igualmente da média aritmética das suas três componentes.